quinta-feira, 26 de maio de 2011



Estou só.

Só, como a lua

que vejo límpida e nua

no imenso céu

sem nuvem, sem véu...


Estou só

como a noite constelada,

a noite silenciosa, a noite quieta,

a noite alta...



como o coração do Poeta

sem a Amada...


(Ah! Se pudesses ver como me fazes falta!...)


Araújo Jorge

(in memorian...)

Um comentário:

Roberta Granada disse...

Oi amiga adoro teu blog sempre tem coisas lindas por aqui,Feliz Dia do Amigo,beijokas...
http://agulhaetricot.blogspot.com
http://agulhaetricot.com
http://titacarre.elo7.com.br visite minha loja tb e deixe sua opinião sobre meus produtos.